sexta-feira, 10 de junho de 2016

AMOR


Estamos na semana do Dia dos Namorados e muito se fala sobre amor, mas será que o conceito de Deus sobre o amor é igual ao nosso?
Em grego, amor é “ágape”, termo que também pode significar “afeição”, “benevolência” ou “caridade”. O interessante é que o termo “ágape” deriva-se de “airo”, que significa “levantar”, “suspender” ou “sustentar”.
Em Mateus 4:6, essa palavra é usada da seguinte maneira: “Aos seus anjos ordenará a teu respeito que te guardem; e eles te susterão (arousin) nas suas mãos, para não tropeçares nalguma pedra”.
Assim, vemos que o amor está relacionado ao sustento. Deus nos ama porque nos sustenta em nossas vidas, provendo tudo o que é necessário para nossa sobrevivência.
O próprio Espírito Santo nos sustenta, pois intercede por nós (Romanos 8.26). Da mesma forma, não podemos dizer que amamos nosso irmão se não o sustentamos em sua fraqueza.
O próprio Cristo nos deu esse alerta. Aquele que não sustenta seu irmão em sua fome, sede, desabrigo, nudez, enfermidade ou cadeia terá a infelicidade de escutar de Cristo: “Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos” (Mateus 25.41).
_Deus te abençoe.

Pr. Roberto Ferreira - Feridas Emocionais

Feridas emocionais Reflita sobre isso... São muitas as ocasiões em que nos julgamos rejeitados, abandonados, traídos, humilha...