sábado, 10 de junho de 2017

OS INTERCESSORES PODEM DETERMINAR O RESULTADO DE SEU DESÍGNIO


Deus sempre responde à busca. A intercessão é a busca de Deus. Fico entusiasmado com o despertar no Corpo de Cristo para a vida de oração, para o lugar de oração, o lugar secreto. Quando Deus é ignorado, o fracasso é inevitável. Quando Ele é valorizado, o sucesso é inevitável. Deus não permitirá que você obtenha sucesso sem Ele.

Reveja 7 exemplos de campeões que entenderam o poder da intercessão, orando juntos por milagres:

1. Pedro era um poderoso intercessor, um poderoso homem de Deus. Tinha andado ao lado de Jesus por três anos e meio, experimentado fracassos e restaurações. Pedro possuía a revelação que poucos homens tinham.
E Jesus, respondendo, disse-lhe: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue quem to revelou, mas meu Pai, que está nos céus. Pois também eu te digo que tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela. E eu te darei as chaves do Reino dos céus, e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.
Ainda assim Pedro foi mantido na prisão. Ele precisou de intercessores, precisou dos outros. Observe o que está escrito em Atos 12.5: Pedro, pois, era guardado na prisão; mas a igreja fazia contínua oração por ele a Deus. O Senhor enviou um anjo, e libertou-o da prisão, por causa do clamor dos intercessores.

2. O profeta Samuel foi um intercessor. Ele fez uma declaração poderosa: E, quanto a mim, longe de mim que eu peque contra o Senhor, deixando de orar por vós (l Samuel 12.23). Ele sentiu que a falta de oração era um pecado. A oração é a única prova de nossa humildade, de que reconhecemos nossa necessidade de Deus.

3. O apóstolo Paulo acreditava na intercessão, orando por outros. Paulo tinha uma mente brilhante. Ele conhecia as Escrituras e possuía uma revelação importante. Ainda assim, escreveu a respeito de sua vida de oração e intercessão ao seu protegido, Timóteo: Dou graças a Deus, a quem, desde os meus antepassados, sirvo com uma consciência pura, porque sem cessar faço memória de ti nas minhas orações, noite e dia (2 Timóteo 1.3).

4. Jesus orou a noite toda. E aconteceu que, naqueles dias, subiu ao monte a orar e passou a noite em oração a Deus (Lucas 6.12). Quando você observa o contexto desse versículo, vê que Ele estava sob grande tensão. No dia seguinte, escolheria Seus 12 discípulos. Então, Jesus investiu horas em intercessão durante temporadas de batalha e momentos de tomada de decisão.

5. Jesus está intercedendo por você no céu. Pois é Cristo quem morreu ou, antes, quem ressuscitou dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e também intercede por nós (Romanos 8.34).

6. O Espírito Santo está intercedendo por você na terra.
E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis. E aquele que examina os corações sabe qual é a intenção do Espírito; e é ele que segundo Deus intercede pelos santos. Romanos 8.26,27

7.0 desígnio de Pedro foi protegido pelas orações de Jesus. Disse também o Senhor: Simão, Simão, eis que Satanás vos pediu para vos cirandar como trigo. Mas eu roguei por ti, para que a tua f é não desfaleça; e tu, quando te converteres, confirma teus irmãos (Lucas 22.31,32).
Quando lemos esses versículos, percebemos claramente que Jesus conhecia bem o inimigo de Pedro. Ainda assim, acreditava que Seu apóstolo não falharia, por causa das orações que fazia por ele. O Senhor esperava que Sua intercessão produzisse uma colheita. Pedro fortaleceria seus irmãos por causa de suas próprias orações atendidas.

8 chaves de sabedoria sobre a intercessão:
1. Beleza, talento e favor não são suficientes para alcançar o sucesso em seu desígnio. Ester sabia disso. Ela era a mais bela mulher nas 127 províncias, mas ainda assim não dependia de sua beleza física para obter as respostas de que necessitava. Ester pediu que fizessem um jejum por ela.
Vai, e ajunta todos os judeus que se acharem em Susã, e jejuai por mim, e não comais nem bebais por três dias, nem de dia nem de noite, e eu e as minhas moças também assim jejuaremos; e assim irei ter com o rei, ainda que não é segundo a lei; e, perecendo, pereço. Ester 4.16

2. A intercessão proporcionará o que os relacionamentos não podem proporcionar. Ester não dependia de sua relação com o rei para ter sucesso em seu desígnio. Ela sabia que precisava da intervenção sobrenatural de Deus. 

3. A intercessão não substitui o trabalho e a produtividade. Ao contrário, faz com que seus esforços sejam ainda mais eficazes. Quando Ester pediu um jejum, não era apenas para esquivar-se de encarar o rei. Sua intercessão serviu para liberar o favor do rei por causa do trabalho que ela desempenhava. Ester ligou-se com Deus, esperando que Ele fosse à sua frente e tornasse os esforços dela produtivos. 

4- A intercessão não é um convite ao sedentarismo e à preguiça, nem à falta de envolvimento. Ela é a segurança do envolvimento de Deus em sua vida. 

5. Nunca ore por qualquer coisa de que você duvide. Se eu não estiver baseado nas Escrituras para fazer um pedido, recuso-me a orar por ele. Isso mantém as minhas orações puras, precisas e de acordo com o desejo de Deus. 

6. Aprenda a respeitar os intercessores que Deus ligou à sua vida. Também vos digo que, se dois de vós concordarem na terra acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu Pai, que está nos céus (Mateus 18.19). Levo pedidos de oração muito a sério. A maioria das pessoas não acredita de verdade em intercessão, nem que as orações realmente funcionam. Mandei milhares de formulários de pedidos de oração para amigos e parentes, e ainda assim recebi somente uma pequena fração deles. Isso indica que eles alcançaram pleno sucesso em sua vida e não precisam de oração? Claro que não. Simplesmente não acreditam que as orações de um homem de Deus possam funcionar. Contudo, a oração feita por um justo pode muito em seus efeitos (Tiago 5.16). 

7. Mantenha seu círculo de intercessores informado. Até Deus quer que você exponha suas necessidades a Ele antes que Ele se envolva. Não estejais inquietos por coisa alguma; antes, as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus, pela oração e súplicas, com ação de graças (Filipenses 4.6).
Tiago instruiu-nos: Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo>-o com azeite em nome do Senhor; e a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados (Tiago 5.14,15). 

8. Quando você ora segundo a vontade de Deus, confiança e fé vêm facilmente. Isso é importante. Sua fé é fundamental para obter a resposta de que necessita.
E esta é a confiança que temos nele: que, se pedirmos alguma coisa, segundo a sua vontade, ele nos ouve. E, se sabemos que nos ouve em tudo o que pedimos, sabemos que alcançamos as petições que lhe fizemos. l João 5.14,15

Seu desígnio requer Deus. Seu desígnio requer pessoas intercessoras, que influenciam fortemente o fluir de bênçãos em sua vida. Quando você acreditar verdadeiramente na intercessão, verá resultados fantásticos que jamais experimentou em sua vida. 

Lembre-se: os intercessores podem determinar o resultado de seu desígnio.

Dr. Mike Murdock- Livro- O Designio




7 Hábitos diários de Líderes Incomuns

Dr. Mike Murdock 1- Incomuns Líderes surgem ao mesmo tempo todas as manhãs ...   John R.Rice, o famoso evangelista batista  de mu...